PROANTAR

Passagem do Grupo-Base da Estação Antártica Comandante Ferraz

Após 13 meses à frente da Estação Antártica Comandante Ferraz , o Grupo-Base Ferraz passou suas funções para o Grupo-Base Polaris.

Após 13 meses à frente da Estação Antártica Comandante Ferraz (EACF), o Grupo-Base Ferraz, que inaugurou a nova casa do Brasil na Antártica, passou suas funções para o Grupo-Base Polaris, chefiado pelo CF(FN) Newman Alexander Vettorazzo.

A cerimônia foi realizada no dia 4 de dezembro, no Pátio da Bandeira localizado em frente à Estação, e foi presidida pelo CMG(FN) Paulo César Galdino de Souza, Assessor de Planejamento Estratégico do Programa Antártico Brasileiro e ex-Chefe da EACF.

O evento contou com a presença de uma pequena representação das tripulações dos navios NApOc Ary Rongel e NPo Almirante Maximiano, que se encontram na Baía do Almirantado para realizar o reabastecimento e outras tarefas logísticas necessárias ao funcionamento da Estação. Também participaram da cerimônia os servidores civis do Arsenal de Marinha do Rio de Janeiro, militares do Serviço de Seleção do Pessoal da Marinha, do Centro de Adestramento Almirante Marques de Leão e do Centro de Tecnologia da Informação da Marinha, que estão apoiando as atividades de comissionamento e manutenção da EACF.

A realização do evento levou em consideração todos os cuidados sanitários necessários para evitar a disseminação do novo coronavírus. Um dos grandes desafios desta primeira fase da 39a Operação Antártica (OPERANTAR XXXIX) foi o estrito cumprimento dos protocolos de saúde específicos para a missão, a fim de garantir a segurança do pessoal envolvido e impedir que o vírus COVID-19 ingresse na Antártica, o único continente não atingido pela pandemia de SarsCoV-2.

                                                                                          Passagem do Grupo-Base da EACF