PROANTAR

Preparação da EACF para o Inverno Antártico

Após o regresso dos Navios polares ao Brasil, o Grupo-Base Polaris iniciou a preparação da EACF para o período do inverno antártico.

Após o regresso dos Navios polares, NPo Almirante Maximiano e NApOc Ary Rongel, ao Brasil, ocorrida no final do mês de março, o Grupo-Base Polaris (2020/2021) iniciou a preparação da Estação Antártica Comandante Ferraz (EACF) para o período do inverno antártico. Tal procedimento tem por objetivo mitigar os efeitos das baixas temperaturas, cerca de -30ºC, dos fortes ventos, que podem chegar a 150 km/h, e do grande acúmulo de neve, que  ultrapassa os 3 metros de altura.

Dessa forma, os militares do Grupo-Base devem realizar a reorganização de todos os materiais, equipamentos, viaturas e embarcações, de maneira que estejam abrigados ou protegidos das ações do clima extremo a ser vivenciado no inverno. Dentre essas atividades, pode-se citar a realocação de contêineres, a guarda e a manutenção preditiva das viaturas e embarcações, o envelopamento dos equipamentos que ficarão expostos ao tempo e a revisão do aquecimento das tubulações de água, evitando o congelamento e, consequentemente, seu rompimento.

Durante todo o período de inverno, também serão executadas as manutenções mais complexas dos diversos sistemas da Estação, as quais não podem ser realizadas no verão em função das inúmeras atividades que ocorrem nesse período, como o recebimento de materiais, óleo combustível e equipamentos dos Navios, e o apoio às atividades de pesquisa. Cabe, também, dar continuidade ao apoio remoto à projetos de pesquisas, com verificação de equipamentos e coletas de dados, além da organização administrativa da Estação, com a realização de inventários de materiais, gêneros e o levantamento das necessidades visando a próxima Operação Antártica.